Monday, October 31, 2005

Beyond Red vs. Blue

Esse relatório do Pew Research Center sobre o cenário político norte-americano é muito interessante. Vale a pena ler inteiro, mas aqui vai um resumo:

Somente 29% da população (34% dos eleitores) é Republicana. Estes se dividem em:

Enterprisers (9% da pop., 11% do eleitorado) - Patriotas, altamente pró-business, contra grandes programas sociais e à favor de uma política externa ativa. É formado na maioria por homens (3/4), brancos, de alta escolaridade e nível social.
Social Conservatives (11% da pop., 13% do eleitorado) - Tendem a concordar com os Enterprisers na maioria dos assuntos, mas geralmente são críticos das grandes corporações e à favor de regulamentação governamental para a defesa do consumidor e meio ambiente. Esse grupo geralmente se preocupa com o crescimento exagerado da imigração. É formado por muitos evangélicos, e quase metade mora no Sul do país.
Pro-Government Conservatives (9% da pop., 10% do eleitorado) - Parecido com os Social Conservatives mas geralmente favorecem programas sociais mais amplos, principalmente no que diz respeito à ajuda aos pobres. Formado principalmente por mulheres jovens, e tem a maioria dos seus integrantes morando no Sul.

Claramente, existe mais de um tipo de conservador. Os grupos Republicanos atualmente tem valores sociais em comum, mas opiniões diferentes sobre o papel do governo. Essa é considerada uma nova tendência, já que um dos pilares dos conservadores sempre foi a crença em um governo limitado.

Os Democratas são o grupo mais populoso (41% da população, 44% dos eleitores), e se dividem em:

Liberals (17% da pop., 19% do eleitorado) - São os maiores defensores de grandes programas sociais, principalmente os de ajuda aos pobres e ao meio ambiente. São grandes oponentes de uma política externa intervencionista. Formado por seculares, a maioria de alto nível econômico e social, e altamente liberais no campo social.
Conservative Democrats (10% da pop., 10% do eleitorado) - Este é o grupo menos liberal dos democratas. São muito religiosos, socialmente conservadores, e moderados em questões de política internacional. É um grupo de pessoas mais velhas, e inclui muitos negros e latinos.
Disadvantaged Democrats (14% da pop., 15% do eleitorado) - Também inclui muitas minorias (é formado na maioria por mulheres), e é o grupo financeiramente mais pobre de todos. A maioria dos integrantes desse grupo é muito pessimista sobre as oportunidades na vida, e desconfiam das grandes empresas e governo. Entretanto, suportam programas estatais para ajudar os necessitados (nesse caso, eles mesmos).

Enquanto os Republicanos se dividem no que diz respeito ao papel do governo, os Democratas discordam entre si nos valores pessoais. A maioria dos liberais vivem num mundo completamente diferente dos Disadvantaged Democrats e Conservative Democrats.

Os Independentes constituem 30% da população, mas somente 23% do eleitorado. Também estão divididos em 3 grupos:

Upbeats (11% da pop., 13% do eleitorado) - Moderados que tem uma visão positiva da sua situação financeira, papel do governo, empresários, e do estado do país em geral. Tem geralmente bom nível educacional e são relativamente interessados em política.
Disaffecteds (9% da pop., 10% do eleitorado) - Bem menos afluentes e educados que os Upbeats. Tem uma visão mais cínica do governo e são menos satisfeitos com sua situação no geral.
Bystanders (10% da pop., 0% do eleitorado) - Formado principalmente por jovens sem interesse ou formação política. Quase não votaram na eleição de 2004.

Outros estudos iguais foram feitos nos últimos 18 anos. Os resultados de 2005 mostram um aumento no número de liberais, e a divisão dos Republicanos em 3 grupos (os "Pro-Government Conservatives" aparecem pela primeira vez). Mas foi nos independentes que ocorreu a maior mudança desde a década de 90. A migração destes para o lado republicano foi decisiva em 2000 e 2004. Os fatores em comum nessa mudança são a empatia pessoal desses pelo Presidente Bush, e o favorecimento de uma política externa mais dura.

Maiores detalhes aqui. Imperdível.

8 comments:

Igor Taam said...

Se eu fosse americano não estaria em nenhuma dessas categorias. Os perfis de todo modo são interessantes de conferir.

Poderiam bolar um perfil desses no Brasil. Se bem que liberais e conservadores não atingiriam nem 1% da população brasileira. E antes que alguém reclame, não me refiro a conservadores tipo Bolsonaro nem liberais tipo José Alencar, por favor. Acho que aqui os tipos se dividiriam entre Tucano típico, petistas idealistas, saudosos de Getúlio Vargas, MV-Brasil, General tijucano aposentado... ihh tem muitos até, mas sempre convergindo para o mesmo lugar: o sebastianismo estatal.

Paulo said...

Igor,

Tambem acho que nao me incluo exatamente em nenhum grupo, mas chego mais ou menos perto dos Enterprisers.

O que eu achei mais interessante eh a distribuicao da pop. entre os grupos, e a distribuicao de escolaridade e income entre eles. Lembra como na eleicao passada comecaram a dizer que os Republicanos eram pobres e sem educacao?

Esse tipo de manipulacao eh muito frequente por aqui. Acho que pelo menos sabendo a composicao do povo, mesmo que num high level desses, ja ajuda um pouco.

[ ]s

Claudio said...

Paulo, este tipo de manipulação é comum por aqui também. Quiseram usar esse argumento como a causa da vitória do "não" no último referendo. Sábado uma ocióloga teve o desplante de dizer no Globonews Painel que a vitória do "não" foi devido ao fato do altíssimo nível de analfabetismo fucnional da população brasileira. Felizmente, um dos participantes do programa esculachou a cretina ali mesmo. :-)

Igor Taam said...

HAHAHA ocióloga foi um achado.

Cláudio said...

Créditos para Nelson Rodrigues (pelo menos a primeira vez que eu vi isso foi numa das suas ótimas crônicas).

david said...

Excelente texto, excelente dica.

abs,
david

Marcos Matamoros said...

Caro FYI,
O texto é realmente interessante. A dica foi boa. Se tiver algum tempo, dê uma olhada no meu blog
Um abraço,
Marcos

Grande Líder da Silva said...

Como se tudo se resumisse a democratas x republicanos... Há outros partidos e há outras tendências. Parece que o Pew esqueceu de considerar os Verdes nessa lista.